fbpx
Ir para o conteúdo principal

Sistema de avaliação

A Classificação do icrowdhouse não é uma medida da qualidade ou adequação do originador ou promotor e não deve servir como um substituto para a devida diligência individual.

Originadores qualificados

icrowdhouse implementou um sistema de classificações de risco, que se aplica aos remetentes na plataforma. Eles têm uma escala que varia de "A +" a "D", que representa o nível mais baixo e mais alto de risco, respectivamente. Em seguida, mostramos em detalhes como eles funcionam.

O que medimos?

As classificações são um indicador da estabilidade operacional e financeira do autor do projeto. Ao avaliá-los, priorizamos sua capacidade de capturar e desenvolver oportunidades. Além disso, a situação financeira do remetente é um fator material importante.

Quais dados são usados?

As classificações são baseadas nas informações obtidas durante a fase inicial do procedimento de due diligence e nos dados obtidos durante o processo de monitoramento contínuo. Isso inclui os principais dados dos autores, como entrevistas com os gerentes, visitas presenciais, demonstrações financeiras internas e auditadas, apresentações corporativas, políticas de crédito e documentos de controle de risco.

O processo que eles executam também é avaliado para validar a viabilidade de um projeto.

Da mesma forma, é realizado um estudo dos recursos publicamente disponíveis (por exemplo, pesquisas na web, press releases, relatórios da indústria, bancos de dados comerciais, etc.). Nos casos em que corresponde e quando disponível, as referências são solicitadas. Os currículos e referências dos membros da equipe de gerenciamento também são coletados.

Quando as notas são atualizadas?

icrowdhouse monitora constantemente cada autor, realizando uma análise dos dados financeiros e da qualidade de seus projetos. As avaliações dos investidores também são integradas ao processo. Se houver uma melhoria ou piora dos fatores essenciais, isso pode resultar em um aumento ou redução imediata na classificação.

Além dos ajustes feitos imediatamente, os ratings são ajustados anualmente e incluem um processo completo de reavaliação de todos os fatores mencionados acima.

Sistema de classificação

A+   Baixo risco
Uma empresa financeiramente sólida, com uma posição de mercado líder e estável
A  
A-  
B+   Risco moderado
Uma empresa estável, mas com uma demonstração financeira mais fraca e uma posição média no mercado. Ele tem um histórico mais curto do projeto.
B  
B-  
C+   Alto risco
Uma empresa com desempenho financeiro e uma posição com fragilidades consideráveis. Sua posição competitiva é limitada ou a qualidade de seus ativos está abaixo da média. O histórico do seu projeto é limitado.
C  
C-  
D   Suspenso
Uma empresa com dificuldades financeiras ou sem histórico de projetos.

Metodologia de Avaliação

A metodologia das qualificações dos autores foi desenvolvida internamente. A avaliação de cada remetente é realizada por nossa equipe de risco. ? A classificação é baseada em cinco fatores principais que caracterizam cada originador: ambiente operacional (ponto 1), perfil da empresa (pontos 1,5), gerenciamento e estratégia (pontos 2), tendência de risco (pontos 1,5) e perfil financeiro ( Pontos 3). Além disso, um fator adicional é adicionado aos originadores de acordo com a porcentagem de capital com a qual eles geralmente participam de seus projetos (ponto 1).

Ambiente operacional Pontos
O ambiente operacional nos níveis local e geral é avaliado para analisar se permite o funcionamento efetivo do setor. É levado em consideração e possíveis impactos futuros são aplicados. Se houver alguma evidência de que mudanças no ambiente estejam ocorrendo, uma taxa de risco mais alta será atribuída. A existência de instituições reguladoras é ponderada positivamente. 1
Perfil da empresa Pontos
A posição de mercado da empresa, o tipo de projetos realizados e as características organizacionais são levados em consideração.
Um melhor posicionamento no mercado permite obter uma pontuação mais alta. Um número maior de tipologias de projetos está associado a uma melhor diversificação e menor risco.
Uma estrutura organizacional clara permite obter uma pontuação mais alta.
1,5
Operação, estratégia e história Pontos
Inclui a avaliação do funcionamento da empresa, a estratégia, credibilidade e seu histórico.
A avaliação de desempenho é realizada em termos de eficácia e perspectiva de negócios. A qualidade dos orçamentos e a razoabilidade das premissas feitas são fatores levados em consideração e que afetam as classificações. A credibilidade é avaliada em termos de relevância e anos no setor. O histórico e a capacidade de executar projetos anteriores em termos e orçamento são fatores que contribuem para essa avaliação.
2
Posse de risco Pontos
A exposição ao risco e as práticas de gerenciamento de risco correspondentes (atenuantes) são avaliadas.
A avaliação leva em consideração a exposição ao risco de mercado, risco de crédito, risco de liquidez e risco operacional. Dependendo da exposição a eles e dos mecanismos estabelecidos para sua prevenção, controle, atenuação, será aplicado um ajuste de classificação positivo ou negativo.
1,5
Perfil financeiro Pontos
Esse fator se concentra na qualidade dos projetos, na situação financeira da empresa e em seu desempenho.
Levamos em conta a qualidade dos ativos da empresa, analisamos a conta operacional e sua estabilidade ao longo do tempo. Da mesma forma, indicadores são usados ​​para medir solvência e eficiência operacional.
Capitalização e alavancagem - O índice patrimônio líquido é um item de medição essencial. Financiamento, liquidez e existência de alternativas em caso de contingência.
3
Fator adicional Pontos
Esse fator leva em consideração as entidades legais com as quais o remetente realiza os projetos e o percentual de capital, com o qual, de forma recorrente, participa de seus projetos. 1
Voltar ao topo